sábado, 10 de outubro de 2009

UM POUCO DE MIM...

Na poesia
me encontro perdida.

Sonetos?
Não sei escrever bem, mas tenho
imensa vontade de aprender.

Estilo?
Ainda não tenho
um que me identifique.
Gosto mesmo é de trovinhas!

Enquanto isto
vou escrevendo
porque sinto necessidade
de passar para o papel
o que me vai n'alma.

Isto me acalma
e me deixa feliz.
E assim...
passo meus dias
à espera do fim,
deixando aqui pra você
um pouco de mim.

Verluci Almeida

3 comentários:

  1. Amiga, parceira querida, não passe seus dias esperando o fim, deixe que o fim espere por seus dias, que serão longos, afortunados e belos, como você.
    Beijão na alma.

    ResponderExcluir
  2. Voltei pra te ver e não te encontrei. Aproveitei para ler esta lindeza de poesia e matar saudades!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir